Tião Nascimento

"Por que a poesia é  o canto da alma"

Áudios

LEMBRA, AMOR ?
Data: 21/07/2013
Créditos:
TEXTO -LEMBRA, AMOR ?
AUTOR - TIAO NASCIMENTO
VOZ - DO AUTOR
TRILHA SONORA - ... E O VENTO LEVOU
DE MAX STEINER
Orquestra Filarmonica Royal

LEMBRA, AMOR ?
                                                                      
Lembro as horas que, deitado no seu colo
Ou sua cabeça no meu ombro descansando.
Eu falava do meu dia, do meu cotidiano
E era tão gostoso. A gente tava amando.

E, roçando no meu, seu corpo deslizava
E insistia minha mão na sua cintura
E com as pernas , afetuosamente a abraçava
E a apertava a ouvi-la  com  ternura.

E,  ao meu ouvido, a me lamber os lábios
Falava com um jeitinho infantil
- Faço parte do dia-a-dia seu

Vou faze-lo descansar do seu cansaço
Sorrir de suas vitorias e consolá-lo dos fracassos
E amá-lo.  Agora você é só meu.
Enviado por TiaoNascimento em 17/07/2013

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras